5 dicas para garantir a sobrevivência do pequeno negócio na crise

 

Fonte: Shutterstock

A queda da economia brasileira em 2015 e a volta da inflação alta acenderam o sinal vermelho em muitas empresas.

Em momentos como este é preciso priorizar recursos e ter um maior controle financeiro e operacional sobre o negócio, entre outras medidas que as micro e pequenas empresas precisam adotar para sobreviver.

 

Leia a seguir cinco dicas para ajudar empresários a encarar de frente a crise e superar a estagnação econômica.

1- Priorize a alocação de recursos

A tarefa mais imediata dos empreendedores agora é pensar nas finanças. Os riscos não necessariamente são agravados em um momento de crise. De forma bem básica, estratégia significa saber alocar recursos: gente e dinheiro. É preciso estabelecer objetivos para as pessoas, com recursos financeiros alocados para isso.

2- Ajuste custos e despesas

O próximo passo é ajustar as contas readequando as suas despesas a uma nova receita. Muitos empresários erram neste ponto, por desconhecimento, e demoram muito para fazer ajustes, se desfazendo de bens pessoais antes de cortar gastos. Procure evitar continuar gastando mais do que a empresa ganha.

3- Tenha controle sobre o negócio

Ter controle financeiro e operacional sobre o negócio ajuda a empresa a identificar problemas e a tomar decisões antes que a crise agrave a situação. Crie metas, relatórios de desempenho, como tabelas e gráficos, e acompanhe com atenção esses indicadores.

4- Profissionalize-se

Para fazer com que sua empresa tenha sucesso na crise, é fundamental profissionalizar seus processos para ganhar eficiência. É preciso ter governança corporativa, com transparência, visão estratégica e um conselho de administração que seja imparcial. Isso é uma estratégia de defesa para momentos de turbulências, mas a maior parte das pequenas e médias empresas ainda não tem.

5- Mude o olhar

Por fim, lembre-se: poucas organizações no mundo não tiveram sua continuidade desafiada. A grande maioria delas, em algum momento, passou por crises que a tornaram mais forte. Olhar para este momento com essa perspectiva ajuda muito a enfrentá-lo de forma mais leve. Em vez de pânico, recomenda-se foco e energia.

Conteúdo de autoria e responsabilidade da Jiva Gestão Empresarial.

Gire seu smartphone para visualizar o site