6 dicas para preparar seu varejo para as vendas de Natal

13/nov/2017 - JIVA GESTÃO EMPRESARIAL

Já estamos nos últimos meses do ano, o que significa que você deve preparar as vendas de Natal da sua empresa. Afinal, vender bem nesse período não significa apenas ter promoções atrativas. Não espere que as vendas aconteçam de maneira natural: é necessário ter um planejamento maior para que a ação seja realmente rentável para o seu negócio.

As pessoas estão mais propícias às compras no período do Natal, o que já facilita para o comércio. Para aproveitar esse momento, o ideal é fazer uma pausa e pensar nas estratégias para as vendas de Natal. Para o ano de 2017, a expectativa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) é de que será o melhor Natal em 4 anos para os comerciantes do Brasil.

Espera-se um crescimento de 4,3% nas vendas de fim de ano em relação a 2016. Portanto, o mercado está otimista e a sua empresa não pode deixar de se preparar para colher os frutos da maior data comercial do ano, especialmente considerando essas estimativas positivas.

Para se destacar diante da concorrência e fazer com que o público perceba que comprar na sua empresa é a melhor opção entre todas as outras, é preciso chamar a atenção dele e isso exige planejamento.

Por que você precisa se preparar para as vendas de Natal

Em uma data como o Natal, vale a pena se empenhar e levar as estratégias a sério. É importante lembrar que, entre os meses de novembro e dezembro, a maioria dos trabalhadores recebe o 13º salário. Além disso, neste ano, as quedas da inflação, dos juros e do desemprego são incentivos a mais para dar importância ao período. Ou seja, o momento é perfeito para vender muito.

Preparar-se para as vendas de Natal é o primeiro passo para aproveitar ao máximo as vantagens desse período. É por isso que trouxemos 6 dicas para que você planeje as vendas de Natal e tenha ótimo resultados.

Com a leitura deste artigo, você vai acompanhar as seguintes dicas:

  1. Analise as vendas de Natal de anos anteriores
  2. Programe as compras
  3. Prepare o estoque
  4. Treine os vendedores
  5. Faça promoções de Natal
  6. Decore a loja para o clima de Natal

1. Analise as vendas de Natal de anos anteriores

Certamente, você tem um registro das vendas de Natal de anos anteriores. Essa é a hora de usar esses dados a seu favor. Levante as informações de pelo menos três anos, analise quais foram os itens mais vendidos e aqueles que ficaram parados no estoque e também quais foram os produtos que contribuíram mais para a lucratividade do seu negócio na época analisada.

Essa análise é importante para você se basear e aplicar os recursos financeiros da empresa eficientemente nas compras para esse Natal. Não se esqueça de que também é preciso observar se o comportamento do seu público mudou ao longo desses anos e, é claro, adequar o planejamento. Os problemas, as necessidades e as expectativas dos seus clientes dizem muito sobre eles. Observe-os e você terá mais chances de atraí-los.

2. Programe as compras

Depois de analisar as vendas de Natal de anos anteriores, você já tem dados para programar as compras. Nessa época, os fornecedores costumam estar cheios de novidades para lançar, aproveitando também as vantagens da data comercial. Para que a sua empresa esteja pronta para receber esses lançamentos, é importante que você não deixe as compras para a última hora. É melhor não ficar esperando os clientes começarem a aparecer para que você providencie as compras.

Se as compras atrasam, imagine quantos problemas você pode ter! Os fornecedores podem estar atarefados, necessitando de mais prazo para faturar os seus pedidos. A transportadora também pode demorar a entregar devido à grande demanda. Dessa forma, os produtos de que você precisava para as vendas de Natal não chegam a tempo e você perde a oportunidade de lucrar com a melhor época comercial do ano. Então, programe as compras, considerando o prazo necessário para elas chegarem e você ainda organizar o estoque.

3. Prepare o estoque

Por falar em estoque, este também é um importante ponto na hora de preparar a sua empresa para as vendas de Natal. Com as compras feitas, o estoque fica abarrotado à espera dos clientes. Mas, para que as vendas sejam de fato realizadas com o sucesso que você espera, seu estoque precisa estar organizado.

Por isso, você deve estabelecer uma estratégia de organização para o estoque. Para isso, analise a melhor forma de dispor os produtos, considerando a acessibilidade e a indução de busca por produtos complementares, etiquetando os produtos e controlando as entradas e as saídas. A maneira mais fácil de controlar o estoque é por meio de um sistema de gestão (ERP), que também pode facilitar muitos outros processos da empresa, como finanças e vendas.

4. Treine os vendedores

A grande demanda das vendas de Natal exige uma preparação especial dos seus vendedores. Mas, antes de pensar em promover um treinamento para a sua equipe, verifique a necessidade de contratar mais funcionários para esse período. Quantos clientes você prevê que entrem na sua loja por dia nessa época? O atual número de vendedores é suficiente para atender a essa demanda? Se você observar que é necessário contratar mais vendedores, analise, então, quantos funcionários serão precisos.

Depois desse processo, junte toda a equipe para um treinamento que aborde conhecimentos em vendas e atendimento. O bom atendimento é um excelente caminho para fidelizar clientes e aumentar os lucros.

Seus vendedores devem conhecer profundamente os produtos da sua loja para oferecer exatamente aquilo que os clientes estão buscando, devem saber a melhor forma de abordar, como demonstrar interesse pelas necessidades do cliente e servi-lo da melhor maneira. Treine-os para serem simpáticos, comunicativos e proativos para atender aos clientes e promover as suas vendas de Natal.

Ainda que você não precise contratar funcionários extras para esse período, é importante treinar a sua equipe antes que o movimento de Natal comece na loja. Os vendedores precisam estar preparados para atender com agilidade, mas sem deixar de dar a atenção devida a cada cliente. Muitas vezes, o consumidor chega à loja sem saber o que vai comprar. O bom vendedor é aquele que consegue dar as sugestões certas para que o cliente se sinta seguro para comprar. Quanto mais conhecimento o vendedor tiver sobre os produtos da loja, melhor poderá atender ao cliente.

5. Faça promoções de Natal

No fim do ano, é comum serem realizadas as brincadeiras de amigo secreto com os colegas de trabalho, com os colegas da academia, com a família etc. Geralmente, é estipulado um valor para os presentes e começa a busca por produtos que se enquadrem nessa faixa. Essa é uma ótima razão para que você faça promoções na loja e estimule as vendas de Natal.

Aqueles produtos que você precisa vender com urgência para desocupar o estoque para os lançamentos são os ideias para colocar em promoção nesse momento. Mas tome cuidado ao precificar os produtos. Evite que os preços fiquem abaixo da sua margem de lucro para não causar prejuízos para a sua empresa.

Um sistema de gestão é imprescindível nessa tarefa, já que traz informações importantes para direcionar os esforços da equipe de vendas, considerando, por exemplo, os produtos com menor e maior saída (giro), com data de validade próxima etc.

Aproveitando que os seus clientes estão buscando produtos de valores determinados, uma tática inteligente é você colocar as promoções na entrada da loja e separar as gôndolas por preço. Assim, fica muito mais fácil para o cliente encontrar o produto de que ele precisa.

6. Decore a loja para o clima de Natal

Uma decoração com clima de Natal é um excelente chamariz para a sua loja. Os clientes gostam de conferir novidades no ponto de venda e, quando a loja está enfeitada, já é um motivo a mais para que eles queiram entrar. Aposte em enfeites de Natal, adequando o estilo da sua loja ao clima de fim de ano.

Mas lembre-se de que a funcionalidade é mais importante do que a estética. Não adianta estar com a loja decorada para as vendas de Natal e o cliente ficar perdido, dificultando a busca pelos produtos que ele deseja. É claro que é papel dos vendedores orientá-lo a encontrar o que ele procura, mas é importante que o cliente sinta que a loja está organizada para recebê-lo da melhor forma.

Uma prática que costuma deixar a loja desorganizada é o fato de os clientes gostarem de pegar os produtos para ver. Isso é ótimo para a experiência do cliente, mas acaba deixando tudo fora do lugar, especialmente quando a loja está cheia. Por isso, é importante cuidar para que a decoração da loja não dê a impressão de que ela está ainda mais bagunçada. Também vale a pena reforçar com os vendedores a necessidade de organizar a loja sempre que possível, seja ao longo do dia, assim que a loja fechar ou antes de abrir.

Conclusão

Com planejamento e disciplina, as suas vendas de Natal podem ter muito mais sucesso. Esperamos que essas dicas sejam úteis para preparar a sua empresa e aproveitar melhor as vantagens dessa época tão importante para o comércio.

Quer continuar aprendendo sobre a importância do planejamento na gestão das pequenas empresas? Leia nosso guia definitivo de como fazer um plano de negócios, ele pode ser muito útil para sua administração!

Ir para artigo agora: “Como fazer um plano de negócios: o guia definitivo”

Gire seu smartphone para visualizar o site